Carregando...

Fisioterapia Geriátrica

Fisioterapia Geriátrica

Vivemos uma nova era em termos de tecnologia e avanços médicos e com isso a expectativa de vida aumentou, o que significa dizer que hoje temos um número maior de idosos vivendo mais e melhor. Se antes a expectativa de vida era de 60 anos, hoje ela é de aproximadamente 80 anos, e isso significa dizer que nossos idosos estão ficando cada vez mais velhos, e com esse envelhecimento, surge uma nova preocupação em termos de saúde e qualidade de vida.

Nesse contexto, surge a fisioterapia geriátrica, que nada mais é do que a prática da fisioterapia adaptada e focada no público idoso, levando em consideração todos os processos biológicos decorrentes do avanço da idade, bem como as limitações funcionais de cada um.

É necessário levar em conta todas as patologias que alterem o grau de funcionalidade do indivíduo, como os AVC´s, Parkinson, Fraturas ósseas, entre outros. Esse processo de envelhecimento com agravos de saúde é chamado senilidade, Sendo assim um idoso senil é um idoso doente.

É possível envelhecer com saúde?

Sim! É possível envelhecer mantendo a boa saúde e toda as funcionalidades necessárias para uma vida ativa e produtiva. A esse processo damos o nome de Senescência. Nesse caso, a fisioterapia geriátrica teria um papel preventivo, ou seja, ao invés de tratar alguma patologia, tratam-se as conseqüências do envelhecimento, como a perda de equilíbrio e a diminuição do tônus.

Por que devo fazer fisioterapia?

Independente do tipo de envelhecimento, a fisioterapia geriátrica só vem a agregar qualidade de vida, seja prevenindo os efeitos fisiológicos do tempo, seja tratando as patologias do indivíduo. Para tanto, contamos com uma avaliação criteriosa de cada caso e uma conduta de exercícios e técnicas exclusivas que focam nas limitações e nas condições físicas de cada idoso, sendo assim, a fisioterapia geriátrica não tem contra-indicações.

Lembre-se que envelhecer não é sinônimo de adoecer!